Suspeito de ter atirado em taxista tem posse de arma e curso de tiro

0

O suspeito de ter matado um taxista na noite desta sexta-feira (15), no bairro do Bessa, foi aluno de curso de tiro e tinha posse de arma. A informação é do coronel Lívio Delgado, que participou da ocorrência. Segundo ele, a arma usada no crime ainda não foi encontrada. 

O corretor Gustavo Teixeira Correa, de 42 anos, foi preso por volta das 21h dessa sexta-feira (15), cerca de três horas depois da ocorrência que vitimou o taxista Paulo Damião dos Santos, também de 42 anos, no estacionamento de um supermercado do Bessa, em João Pessoa. 

Vale lembrar que a posse de arma não permite que o usuário a transporte, mas que a tenha em algum local, que pode ser em casa, conforme previsto em lei. O porte de armas permite que o usuário saia com ela, mas ele só é autorizado para agentes de segurança pública, integrantes das Forças Armadas, policiais, agentes de inteligência e agentes de segurança privada.

O suspeito, que foi preso em flagrante passará por audiência de custódia ainda neste sábado (16). A audiência deverá acontecer no Fórum Criminal, no Centro da capital.

Fonte: ClickPB

Share.

Comments are closed.