Os professores da rede municipal de Araçagi aceitaram a proposta de reajuste de 11% oferecido pelo governo municipal e encerraram a paralisação que completou 09 dias nesta terça-feira (10).

De início o Sindicato dos Servidores Unificados do Brejo (SINDSERV), queria um reajuste maior de 13%, já o prefeito sinalizava com 8%.

Na assembléia ocorrida na manhã desta terça-feira (10), os servidores do magistério em discussão propuseram um aumento maior do que o que foi proposto pelo governo e concordaram em 11%, reajuste que foi acatado pelo SINDSERV e aceito também pelo governo municipal.

Com esse valor aceito pela categoria, na manhã desta quarta-feira (11), as aulas foram iniciadas em toda rede municipal.

Tainha.net