A cidade de Araçagi amanheceu sob protestos de vários universitários araçagienses na manhã deste sábado (04), dia de feira livre na cidade.

Os estudantes que infelizmente tem em seus históricos momentos de extrema dificuldade ao longo de suas formações acadêmicas, chegaram nesta última sexta-feira (03), ao seu limite, quando na oportunidade foram informados por agentes da administração pública municipal, que os mesmos não teriam acesso ao transporte público escolar.

Os alunos prejudicados são os que estudam em João Pessoa, Mamanguape e Rio Tinto. Inclusive, alguns já estão perdendo aulas desde a última quarta-feira.

Em busca de respostas, alguns estudantes, nesta última sexta-feira (03), entraram em conato com  o atual prefeito – Murilio Nunes –  quando ouviram do mesmo que o município encontra dificuldade para disponibilizar transporte escolar de qualidade aos universitários. Portanto, diante do que foi exposto, os alunos se organizaram e decidiram manifestar-se em forma de protesto com relação a toda situação.

A ponte que da acesso a cidade de Araçagi ficou interditada pelos estudantes que, após algumas horas, fizeram a liberação da mesma, acreditando eles, que já deixaram uma mensagem de revolta com relação ao transporte escolar universitário.

Segundo informações, a administração herdou uma dívida junto ao INSS de aproximadamente R$ 350 mil (trezentos e cinquenta mil reaisl) por mês, tendo o órgão jurídico entrado com uma ação buscando o parcelamento desta dívida. Caso ocorra o parcelamento, haverá possibilidade do retorno do transporte escolar universitário.

Da Redação/Portal Araçagi