O ex-prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, classificou como atitude grosseira e golpe do jogo sujo da política a intervenção da executiva nacional lhe retirando da presidência estadual do PSDB na Paraíba.

“Lamentei profundamente esse tipo de atitude grosseira, esse golpe na democracia, onde pessoas buscam se apropriar de partidos, para se fortalecer na política. Infelizmente, esse jogo sujo da política termos que enfrentar no dia a dia”, declarou.

Romero disse que vinha organizando o partido para disputar as eleições e essa mudança correndo a três dias do fim do prazo para mudança partidária, foi um golpe.

“Vejo com muita tristeza esse tipo de ato na política paraibana. É arquitetar tendo a impressão que se consegue sobrepor a soberania do povo em um processo eleitoral. Fui pego de surpresa porque estou trabalhando na perspectiva de eleger três deputados federais, inclusive com minha pré-candidatura”, disse.

O ex-prefeito deixou transparecer sua decepção com família Ribeiro. “Imagine ter um, dois, três, quatro, cinco membros da família, para comandar um em cada partidos para se apropriar da política da Paraíba, mas entendo e eles tem meu respeito”.

Romero falou que está sendo ‘expurgado do PSD’ e deve anunciar ainda esta semana em qual legenda vai se filiar.

CONHEÇA NOSSA EQUIPE DE COLABORADORES