Quando criança você provavelmente amou ficar correndo descalço por aí, muitas vezes a sua mãe ou o seu pai precisou reclamar com você para que usasse o calçado, mas, com o passar do tempo, esse costume foi sendo perdido e optamos pelo calçado mais macio ou que tenha mais amortecimento, oferecendo assim mais conforto no momento.

Nosso pé precisa ser flexível para que seja possível fazer o amortecimento do peso do nosso corpo e firme para que realize a progressão do passo. Quando pisamos, nossos pés absorvem a energia, dissipando-a para as demais estruturas do nosso corpo. E nossos pés possuem os arcos plantares e os músculos intrínsecos que auxiliam nesse processo de distribuição da carga.

Para a criança, é muito importante que os pais a incentive a ficar descalça desde cedo, pois irá estruturar os ligamentos, fortalecer os músculos, estimular a formação dos arcos plantares, trabalhar o equilíbrio e a estimulação sensorial, já que nossos pés são riquíssimos em terminações nervosas e levam uma grande quantidade de informações para nosso cérebro.

Os músculos dos nossos pés são esquecidos por nós e dor nos pés é algo muito comum e é terrível para quem está sentindo. Podemos prevenir ou ajudar no tratamento adotando a medida simples como ficar um tempo descalços. Com isso, os pés vão ficando fortes, pois reativa e fortalece músculos que ficaram atrofiados pelo uso do calçado, além de favorecer o equilíbrio e melhorar o apoio do corpo.

Escritos de Crislane Louíse de Freitas Balbino, Fisioterapeuta formada pela UEPB, pós-graduação em fisioterapia traumato-ortopédica, funcional e esportiva, formações voltadas para a coluna vertebral, membros inferiores e esportes, pilates e pos-graduanda em quiropraxia.
CONHEÇA NOSSA EQUIPE DE COLABORADORES