1186331_531875683532929_1022132738_n-463x465O aspirante Renato Montalvão Simões de 34 anos morreu com uma facada no peito durante o atendimento de uma ocorrência na Rua 52, no Setor Central, de Goiânia, na madrugada desta sexta-feira (10).

Uma testemunha contou que acordou com o barulho de uma pessoa caminhando sobre as telhas e acionou a polícia. Quando os policiais chegaram se depararam com Francisco de Assis Fontes, de 42 anos, visivelmente transtornado. Ele invadiu uma residência e destruiu móveis, fogão, botijão de gás e ameaçava colocar fogo na residência.

Ainda de acordo com a testemunha, os policiais tentaram conversar com Francisco e durante a tentativa o mesmo lançou uma faca que atingiu a região do tórax e o coração de Renato.

Em nota, a Polícia Militar (PM) informou que o aspirante foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado para o Hospital dos Acidentados, mas não resistiu aos ferimentos. Francisco foi preso e encaminhado para a Central de Flagrantes.

Francisco, que é gesseiro, chegou a cidade há dois dias para procurar emprego. Antes ele residiu durante oito anos na Bahia.

O Popular