intermitente-2Menino permaneceu na UTI do Trauma de Campina Grande e havia passado por cirurgia, mas não resistiu e morreu.
A criança de três anos que havia sido baleada no domingo (15) não resistiu aos ferimentos e morreu na tarde desta quinta-feira (19). Ele estava em situação grave na UTI do Hospital de Trauma de Campina Grande.

Segundo a polícia, o homem de 32 anos foi preso logo depois de ter atirado não só na criança, mas em outras três pessoas, sendo a ex-companheira e parentes dela. O crime ocorreu em Condado, no Sertão da Paraíba, a 377 km de João Pessoa.

Ainda conforme a polícia, as mulheres foram atingidas nas pernas e no abdômen e foram levadas ao Hospital Regional da cidade de Patos. A instituição informou que elas já estavam fora de perigo.

O homem foi achado em casa, após buscas, e mesmo tendo reagido à ação da PM de Patos, acabou preso.

Fonte: Portal Correio