Screenshot_2016-06-02-21-11-44-1
Deputada federal participa de debate na UFPB nesta sexta-feira (Foto: Brasil 247)

Deputada federal participa de evento na Paraíba neste final de semana. O segundo e maior desafio, segundo os organizadores da plenária, é a legalização do partido junto à Justiça Eleitoral. É necessária a coleta de quase 500 mil assinaturas de apoiamento. 

A deputada federal paraibana Luiza Erundina (PSOL/SP), ex-PSB, inicia a coleta de assinaturas na Paraíba para fundar um novo partido: o Raiz. Ela participa nesta sexta-feira (03) de Plenária do Raiz Movimento Cidadania, que se estende durante todo este final de semana em João Pessoa, nos dias 3, 4 e 5 de junho, no auditório do Sinecom, no Centro de João Pessoa. 

No Congresso Nacional, a deputada tem engrossado as fileiras da campanha pelo #ForaTemer e pelo #CunhaNaCadeia. Atualmente, ela é pré-candidata em São Paulo pelo PSOL para disputar a Prefeitura, numa chapa puro-sangue com o deputado federal Ivan Valente (PSOL/SP) como possível vice.

“Uma guerreira na luta pelos direitos das mulheres e pela participação da mulher na política”, disse o presidente do PSOL na Paraíba, Tárcio Teixeira.

O objetivo do evento é discutir e aprofundar a organização e o planejamento do início da coleta das assinaturas para a homologação do partido junto ao TSE.

A Raiz Movimento Cidadanista chega à sexta edição da Teia Plenária Nacional, agora na cidade de João Pessoa. De acordo com o PSOL, um dos grandes desafios é continuar a construção do partido-movimento, em meio à atual conjuntura de grave crise política, social e econômica no país e debatendo o papel e a posição da Raiz frente à este cenário atual e como alternativa ao modelo político vigente.

O segundo e maior desafio, segundo os organizadores da plenária, é a legalização  do partido junto à Justiça Eleitoral. É necessária a coleta de quase 500 mil assinaturas de apoiamento.

A abertura oficial do evento será nesta sexta-feira (03), a partir das 18h, e o encerramento será no dia 06, às 14h. 

De acordo com Tárcio Teixeira, nesta sexta-feira também ocorre um debate aberto no auditório da Reitoria da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), às 19h.

Fonte: Click PB