d576d039ed20150902113843Uma idosa de 58 anos teve o dedo anelar da mão esquerda arrancado durante tentativa de furto. A barbárie aconteceu na tarde desta quarta-feira (2) na cidade de Pombal, Sertão do Estado.

Segundo a polícia, o acusado foi identificado como “Léo Armado” e ele é sobrinho da vítima. Ele teria chegado na residência pedindo água. Quando a idosa foi atendê-lo, o suspeito a segurou pelo pescoço, fazendo com que ela desmaiasse.

“Léo”, então, tentou tirar duas alianças de ouro que a mulher usava e por não ter conseguido, decidiu usar uma faca para cortar o membro. Agindo com frieza, o acusado jogou o dedo da idosa no meio da rua e deixou o local. Ferida, a mulher foi levada para o hospital do município.

Leonardo Eufrazino de Araújo, 27 anos, foi detido instantes após o crime. Uma das alianças não foi encontrada e ele relatou que teria trocado por drogas no centro da cidade.

Ainda de acordo com a polícia, “Léo” havia sido detido no mês de abril deste ano por furto qualificado. Ele estava preso e tinha saído da cadeia na quinta-feira da semana passada.

Com informações da Rádio Liberdade FM