Bebê com microcefalia precisa de cirurgia e família pede ajuda na internet, na PB

43
0

Mãe de um bebê com microcefalia, a paraibana Geane, que reside em Solânea, a 130 km da Capital, afirma que não tem conseguido marcar a cirurgia da filha por meio do Sistema Único de Saúde (SUS). Geovana tem 1 ano e 4 meses e precisa fazer um procedimento chamado gastrostomia (uso de cateter por meio da parede abdominal). Por conta da falta de auxílio, a família pede ajuda para pagar a cirurgia, que custa R$ 9 mil reais. 

Com a ajuda do pediatra Flávio Melo, que fez uma transmissão ao vivo pelo seu Facebook para mostrar a realidade vivida pela família, Geane já conseguiu arrecadar cerca de R$ 1.500. “O resultado de ontem pra hoje já foi muito bom. Temos ainda a meta ambiciosa de conseguir os R$ 9 mil, mas queria conseguir muito mais pra ela conseguir tranqüilidade, pra que ela pudesse não se preocupar com dinheiro, mas apenas com a filha”, disse o doutor.

A bebê é portadora da síndrome congênita do Zika, tem um quadro neurológico de atraso, convulsões de difícil controle e tem dificuldades alimentares, como refluxo, além de ter dificuldades para engolir (disfagia). Segundo o doutor Flávio, Geovana é acompanhada pelo Instituto de Pesquisa Professor Joaquim Amorim Neto, em Campina Grande.

A ajuda pode ser feita através da conta do pai de Geovana, Rafael Florentino Campelo:

Banco: Caixa
Agência: 0038
Operação: 013
Conta: 27341-3
CPF: 086.895.414-46

Fonte: O Farol Com correio da PB

CONHEÇA NOSSA EQUIPE DE COLABORADORES