Screenshot_2016-03-17-21-09-36-1
Professores fazem paralisação em Araçagi, na Paraíba (Foto: Volney Andrade/TV Cabo Branco)
Categoria pede reajuste de 11,3% e melhorias na estrutura em Araçagi. Prefeitura oferece 8% de reajuste e diz que não tem como pagar fardamento.
Professores da rede municipal de Araçagi, no Agreste da Paraíba, fizeram um protesto na cidade na manhã dessa quinta-feira (17). A categoria pede reajuste salarial de 11,3% e melhorias nas escolas da cidade, mas a prefeitura já informou que só tem condições de oferecer 8% e equiparação dos salários dos professores que ainda não recebem o piso salarial.
Imagem via watsaap
Imagem via watsaap
As aulas da rede deveriam ter sido iniciadas no dia 22 de fevereiro, mas não começaram até esta quinta-feira e cerca de 2,2 mil alunos dos ensinos fundamental 1 e 2 e Educação de Jovens e Adultos (EJA) estão sem aulas.
Segundo os professores, os alunos ainda não receberam os kits de material escolar. A aquisição do material escolar ainda deve demorar pelo menos um mês, segundo a própria prefeitura, que explicou que ainda está realizando uma licitação com este objetivo. Além disso, os alunos da rede municipal não recebem fardamento e a própria prefeitura disse que não tem como adquirir a farda.
O ato público desta quinta-feira aconteceu em frente à sede da Promotoria da cidade para pedir apoio do Ministério Público para que as reivindicações sejam atendidas.
Fonte: G1 PB