Por Emerson Rodrigues – De quê somos feitos?

0

Se você perguntar a um cientista, poderá ter duas respostas: Se for um cientista cético ou ateu, ele vai te dizer que somos feitos do pó das estrelas, e que viemos da evolução natural dos macacos. Se for um cientista religioso ou espiritualista, vai dizer que um Ser Superior nos criou. Quem está certo? Quem está errado?

Quando lemos no Gênesis o capítulo da Criação, corremos o risco de imaginar que Deus tenha agido como um mago, com uma varinha mágica capaz de criar todas as coisas. Mas, não é assim” (Papa Francisco a Pontifícia Academia de Ciências – 27/10/2014)

Se por um lado a Teoria da Evolução das Espécies foi elaborada pelo ateu – ex-anglicano – Charles Darwin, tivemos por outro lado, ótimas referencias científicas vindas do Catolicismo. Para quem não sabe, temos vários clérigos que foram fundamentais no ramo da Ciência, como o Sacerdote Cônego Copérnico (Defensor do Heliocentrismo), o Monge Gregor Mendel (Pai da Genética), e claro, o Pe. Georges Lemâitre (criador da Teoria do Big Bang)… O Papa S. João Paulo II tem um Documento sobre a “Evolução das Espécies” na ótica bíblica, ou seja, pela ação de Deus!(Mensagem aos Membros da Academia Pontifícia de Ciências – 22/10/1996)

A Igreja não é inimiga da Ciência, e muito menos do pensamento de que houve sim uma evolução nos seres, isso é óbvio. A diferença é que a Igreja NÃO EXCLUI Deus desse fato. Aliás, O coloca como Autor de toda a criação e evolução das espécies.

Se Deus se usou de pó das estrelas ou do pó da Terra, não é o mais importante, o fato é que fomos feitos do pó! Nisso, a Ciência e a Bíblia concordam. Também concordam na sequência do surgimento dos seres descrita em Gêneses 1 e 2. E até mesmo com a “grande explosão” inicial!

O que não dá para um cristão é defender uma ideia de que toda a complexidade de que somos feitos, por dentro e por fora, na qual tudo está onde deveria estar para funcionarmos bem, seja fruto do nada. Isso não tem lógica nem fundamento científico. Até mesmo se conseguirem reconstituir o Big Bang como tentam, assim o conseguiram por que seres inteligentes criaram toda uma situação para tal!

Não poderia ser por acaso que a Terra está na distância exata do sol, para que tenhamos as belas estações do ano; e que a Terra não congelasse nem “derretesse”; que a gravidade seja propícia a nossa vida e locomoção; e que existimos dentre milhões de situações que não parecem ser meras coincidências, como a própria existência de uma atmosfera protetora!

A Criação é Inteligente, logo, um Ser inteligente a projetou: Sabendo tudo de Matemática, Biologia, Línguas, Astrofísica, Química e tudo mais… O homem não inventou nada disso, apenas descobriu que as leis físicas e matemáticas foram feitas, aplicadas sobre a natureza, sobre os seres, e são complexas. Os homens mais inteligentes do planeta “apenas” as percebeu e decifrou em formulas!

Quanto à alma??? Ora, um cético ou ateu jamais admitirá essa ideia! Mas, para quem tem espiritualidade a existência de algo a mais do que nosso corpo e mente é óbvia! Tudo isso que vemos ao nosso redor, que não dominamos nem conhecemos 1%, toda a complexidade e detalhe dos seres, não pode ter vindo de um acaso e terminar num nada! Existe um plano que não se acaba numa morte vã!…

Mas, também somos feitos de nosso DNA! Carregamos em nosso corpo trilhões de células, cada uma delas com cerca de 10.000 informações sobre nós, como: cor da pele, de olhos, de cabelos, tipo físico, quantidade de hormônios, níveis de inteligência, sexualidade, e tudo mais… Ninguém é clone de ninguém, cada um tem sua digital única, sua íris única etc…

Também herdamos algumas características de personalidade de nossos pais, avós e tudo mais… Esse último ponto é bem mais controlável da nossa parte, ou seja, não porque temos essa ou aquela atitude errada herdada que devamos ser para sempre assim! Pois, cada ser um indivíduo único.

Também somos feitos da criação que tivermos. Não é uma lei, mas, geralmente, crescemos da forma em que fomos criados. Pelo que vimos e ouvimos nossos pais dizerem ou fazerem.

E claro, vem aí o que assimilamos na convivência social, educativa, midiática e religiosa ao longo de toda a nossa vida. O ser humano é muito complexo e ao mesmo tempo simples, porque pode ter um bom controle do que quer, do que concorda, do que decide para esta vida a qual não passa de mero administrador temporário.

Somos Templo do Espírito Santo (1.ª Cor 6, 19)

Escritos de Emerson Rodrigues, Professor com Graduação em Ciências da Computação
Share.